quarta-feira, 25 de maio de 2011

21

CHUPETA: Dicas de odontopediatria preventiva


Hoje vou contar dicas que recebi de odontopediatria preventiva no curso de gestantes que fiz ano passado. Começarei contando algumas maneiras de introduzir a chupeta junto com a minha opinião sobre o que já pratiquei e o que eu não consegui fazer.

ENQUETE:
No final do post, respondam nos comentário se o seu filho usa ou não usa chupeta e a idade dele enquanto usa ou usava. Na semana que vem, farei um post com os resultados dessa enquete. Participe e contribua com sua experiência.


A chupeta pode ser usada quando a criança chupa dedo, desde que a mãe saiba o momento e maneira certa de oferecer e tirar. Deve ser usado somente para ajudá-la a pegar no sono, insistindo em colocar o dedo na boca ou quando estiver muito impaciente.
Não oferecer em situações nas quais ela necessite de atenção e cuidado (quando ela tem uma decepção e leva um tombo, por exemplo). Porque se a criança associar a chupeta com afeto, cria a necessidade dela para se expressar, para lidar com o mundo, o que explica o fato de crianças maiores não conseguirem se desvencilhar deste hábito.
Outro erro grave é molhar a chupeta com mel, leite ou açúcar. Esses hábitos, entre outros inconvenientes alimentares, podem causar cáries nos dentes, e é claro que a odontopediatra vai reforçar isso.
Quando oferecem chupeta para a criança em resposta a uma simples reclamação podem estar mascarando algum problema ou desconforto como raiva, fome, cansaço, angústia ou até mesmo dor, o que na maioria das vezes ele esta tentando comunicar isso a você. Como a chupeta não resolve, seu uso deve ser controlado. Eu tenho esta consciência, mas tenho medo de quem ficar cuidando do Erik enquanto eu trabalho, não pense assim.
A maioria dos pais devem ter ouvido falar dos malefícios causados pelo uso excessivo da chupeta, mesmo assim preferem mais os benefícios do que o uso traz para suas próprias vidas. Infelizmente, alguns pais e cuidadores em geral, transformam a chupeta em um vício: eles a usam para calar a criança e mantê-la quieta. Neste caso, será que chupeta acalma o bebê ou os pais, livrando-os do incômodo choro naquele momento?
Caso seu filho não perca o hábito espontaneamente até 1 ano de idade, inicie a diminuição do uso para não prejudicar a dentição nem causar possíveis seqüelas psicológicas, pois o uso ideal não deve ultrapassar um ano e meio de idade.

Exercício para fazer a troca da sucção do dedo pela chupeta:

Após a mamada, o bebê poderá sentir falta do ato de sucção, levando-o a criar hábitos de compensação chupando o dedo. É neste momento que a chupeta demonstra sua importância, pois é usada para satisfazer a necessidade de sucção do bebê, apenas. Ao término da mamada, ainda no colo, a chupeta deverá ser introduzida lentamente, colocando-se o bico em contato com os lábios da criança para que seja umedecido e, com toques leves, estimular o reflexo de sucção. A chupeta deverá ser puxada um pouco para trás da boca do bebê de 8 a 10 vezes, e assim, estimular o trabalho e o cansaço muscular. Dessa maneira, o bebê satisfeito, tanto pela sucção quanto pelo aconchego materno, deixará a chupeta e dormirá de boca fechada. Eu faço o exercício de puxar umas 2 vezes por dia e aos poucos pretendo aumentar.
A odontopediatra recomenda o uso de chupetas ortodônticas, de silicone por permitir fácil higienização e o tamanho deve ser adequado à idade da criança.
No início da troca, o bebê tem dificuldade para manter a chupeta na boca por conta de sua própria imaturidade motora oral (a maioria de nós sabemos muito bem disso ;-)). Este fato leva as mães à desistirem do seu uso. Mas, a profissional e mãe também, diz que as mães não devem se desesperar quando não conseguir imediatamente fazer a troca do dedo pela chupeta, pois isso demanda tempo (e quanto tempo, não!), persistência e muita segurança.

Eu tento e espero seguir estas regras. Estou me esforçando. Não é fácil e realmente requer muita persistência e paciência. Mamães, não se sintam mal se não conseguirem aplicar estes passo-a-passos. Penso que se eu e meu filho não conseguirmos realizarmos todas com êxito, nós dois tentamos respeitando nosso ritmo. Além disso, conheço tantas pessoas que usaram chupeta por tantos anos e tiveram a sorte de não ter problemas e conseqüências na arcada dentária e nos dentes, nem precisaram usar aparelho ortodôntico para correções. Mesmo assim, vale a pena tentar e prevenir.
Na semana que vem contarei como abandonar os hábitos de sucção: chupeta, mamadeira, sucção do dedo... e o resultado da enquete.


21 comentários:

  1. Aqui terei um trabalho árduo amiga! Pois a mocinha que adorava chupeta não dá nem bola mais...Trocou pelos dedos, quanto mais dedinhos na boca melhor, se pudesse colocaria a mão inteira...srsrs Mas eu vou tentar fazer com que ela pegue de novo e nos momentos certos =]
    Beeijos e amei a postagem!!

    ResponderExcluir
  2. Nada de chupeta por aqui... ele nunca gostou! O negócio é enficar oS dedoS na boca! Se der para colocar todos os das DUAS mãos ao mesmo tempo melhor!

    ResponderExcluir
  3. Mariah pegou a chupeta com 3 dias de vida.
    Só aceita (pq acostumamos assim) na hora de dormir.
    A chupeta a acalma e a sucção ajuda no processo choro-luta-contra-o-sono!
    Compramos várias marcas de chupetas de diversos formatos de bico.
    A escolha dela foi com a Avent.

    Espero ter ajudado pro enquete.

    bjs Piu

    ResponderExcluir
  4. Bom Sofia chupava dedo dentro da minha barriga...Então acabei introduzindo a chupeta...
    Ela pegava mais a chupeta qdo estava em crise de cólica...então acabou associando a chupeta a dor...com isso agora raramente ela pega a chupeta (pra minha felicidade)Sofia esta com 1 mês e meio...e agora chupa chupeta pouquíssimo e também já diminuiu a mania de chupar dedos...
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Erik foi apresentado a chupeta com quase dois meses de idade, mas só há algumas semanas ele aceitou e fica com ela. Quando ele insiste em chupar os dedos durante o dia, tb dou a chupeta e em mais da metade das vezes ele a aceita. Tenho muito medo de ele ficar mal acostumado com a chupeta, entao só oferece nestes momentos e a noite.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. RAUL NAO ACEITOU, SEMPRE DISE QUE NAO IRIA OFERECE, MAS DEPOIS DE VER MEU FILHO QUERENDO ENGOLIR AS DUAS MAOS AO MESMO TEMPO EU TENTEI JURO QUE TENTEI MAS ELE NAO ACEITOU.
    BJUS

    ResponderExcluir
  7. bom, eu do mesmo jeito da mamadeira, levantava a bandeirinha "diga ñ a chupeta" e cai por terra do mesmo jeitinho e bunitinho! Como a Clarice teve os probleminhas nos primeiros dias, recorremos a chupeta, que ela pegou e ñ largou, era o dia inteiro, mas ai depois de tudo resolvido, ela só pega a chupeta pra dormir, quando ñ dorme imediatamente mesmo sem a chupeta! ajuda muito quando ela ta no meu peito, sem conseguir dormir, começa a ficar estressada, ai eu tiro ela e dou a chupeta! dorme na hr! ñ conhecia esse exercicio, é bom p fazer o bebe ficar menos tempo com a chupeta né.... gostei^^ bjsss

    ResponderExcluir
  8. A Beatriz pegou chupeta.
    Qdo está com sono, ela resmunga e é só colocar a chupeta na boca que dorme. Durante a noite, após ela pegar no sono profundo, ela mesma cospe a chupeta. Ela usa da marca AME. Há 1 mês conheci uma chupeta desta mesma marca onde o bico é 60% mais fino. Comprei. Ela demorou uns 2 dias até acostumar e agora está usando esta.

    ResponderExcluir
  9. Oie, amei o espaço meninas..espero que tenham o maior sucesso! Bom, respondendo sobre o assunto abordado hoje, Jaziel não é fã da chupeta, "graças a Deus", mais até que no início eu queria, porque ele era muito nervoso, e eu pensava que se ele pegasse a chupeta iria dormir mais calminho....engano meu, o guri não se deixou levar com esse papo, nada melhor que um mamá delicioso e os carinhos da mamãe aki pra acalmar meu leãozinho lindo. Bjokas

    ResponderExcluir
  10. Estou tentando introduzir a chupeta para o Antonio dormir, ele mama e fica acordado, ai faço carinho nele e ele fica procurando minha mão para chupar, então tento dar a chupeta, consegui apenas duas vezes pois ele tem ânsia de vomito, não sei se é pelo fato de eu quase não ter bico no seio ele não acostumou com nada na boca, mas continuo tentando..

    ResponderExcluir
  11. Tani, pode ser o tamanho da chupeta ñ?
    A Clarice tem 3, uma com bico ortodontico p idade dela, uma com o mesmo bico mas para a cima de 6 meses, e uma q o bico é bem pequeno e mais fino, eu tb mal tenho bico no seio, mas ela pega bem direitinho a chupeta! da uma procurada em algum tipo de bico diferente, vai ver esse ta meio grande^^ bjs

    ResponderExcluir
  12. Ótimo post, Ana! Bom... eu era absolutamente contra a chupeta. Mas a necessidade falou mais alto: Miguel nasceu com a necessidade de sucção mais gigantesca que eu já vi. Desde os primeiros dias ele localizava o dedo e o colocava na boca. Só sossegava assim. Ou ficava o dia TODO pendurado no meu peito, chupetando. Eram horas: 3, 4 seguidas. Eu não conseguia nem um tempo para escovar os dentes. A chupeta foi a salvação da lavoura. Agora eu ofereço a chupeta quando ele quer dormir e está agitado demais e também quando ele (não raramente) quer enfiar as duas mãos inteirinhas dentro da boca. Já chegou a ter ânsia de vômito pq enfia as mãos sem piedade até a garganta! Hj defendo o uso da chupeta, mas confesso que estou doida para ver seu próximo post, sobre como LARGAR o hábito rs.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  13. Ahhh queria dar uma dica que considero importante: NUNCA deixe seu filho se habituar a uma só chupeta. Isso evita crises de madrugada, se vc perceber que a dita-cuja sumiu, chororô na rua, se a danada cair no chão, e até lamentações sem fim quando vc precisar trocar a amada chupeta. Enfim, por questões emocionais e de higiene, dê mais de uma chupeta ao seu filho e troque-as regularmente. Aliás, essa dica tb vale para paninhos, pelúcias e todo tipo de naninha.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  14. Meus filhos amam a chupeta, e eu não sei o que fazer pra tirar, pois a Cecília esta com 2a10m e quer ficar o dia todo com ela na boca. e o Antonio com 1a1m é a mesma coisa. bjus

    ResponderExcluir
  15. Olá!!!
    O Edu tem 2 meses e já tinha tentado sem muito êxito a chupeta e dae tinha desistido, mas nos últimos dias ele ta tem colocado quase toda a mãozinha na boca e estou tentando de novo!
    Adorei as dicas vou por em pratica!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  16. Parabéns pelo post Aninha! Só agora pude passar aqui para comentar. Adorei as dicas, e mesmo antes já tentava fazer 1 dica que vc falou que é a oferecer a chupeta após a mamada enquanto ele ainda está no meu colo, aliás, é a única forma q ele chupa um pouquinho. Eu coloco o rostinho dele contra meu seio e ao mesmo tempo serve pra "segurar" a chupeta na boca e fico ninando ele...as vezes funciona, outras não! Mas fora isso...ele cospe longe! E esse negócio de mel, açúcar e não sei mais que, por aqui não funcionou e tb nem tentei mais.

    Bjus

    ResponderExcluir
  17. Sandra as vezes faço isso com a Clarice, quando ela ñ quer dormir, e o unico modo d se aquietar e com a chupeta na boca, coloco ela entre meus seios e seguro, ai ela vai se acalmando e a chupeta ñ cai, ela acaba dormindo! bjs

    ResponderExcluir
  18. kkk Sandra e Carol, faço o mesmo q vcs. Faço em todas as mamadas, antes ou dp q ele arrota e esse foi o início de ele se habituar.
    Estou adorando todas as contribuições
    Muito obrigada mamães maravilhosas
    bjs

    ResponderExcluir
  19. Marcia, lendo seu comentario, me lembrei d quando eu larguei minha cupeta (sim eu lembro rsrsrs) eu tinha 3 ou era 4 anos, e decidi q ñ usaria mais chupeta, fui no quintal de casa e joguei ela lá, no dia seguinte, arrependida voltei p buscar, e ñ encontrei, então, desisti e nunca mais chupei chupeta^^

    ResponderExcluir
  20. Frederico não usa chupeta. Eu sempre fui contra, não queria nem comprar no enxoval, por insistência do papai compramos uma que não sei nem onde está. Graças a Deus, meu bebê é bem calmo e eu nunca senti necessidade de algo além do meu peito para acalmá-lo. Quanto à necessidade de sucção, as vezes tenho a impressão de que ele quase não tem, não sei se isso é normal, já peguei ele tentando enfiar o dedinho na boca e o ajudei, mas ele não quis continuar. As vezes, na mamada antes de dormir, percebo que ele está me chupeitando, mas são raras as vezes, então eu deixo. Papai quando viu isso foi procurar a tal da chupeta, mas eu não ofereci, disse que prefiro que ele chupeite meu peito do que um acessório de borracha. Posso estar errada? Claro que sim. Mas não vejo nada de errado, se um dia eu perceber que esse as vezes se torna frequente, posso mudar de opinião.

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  21. Fatima, concordo e pensei como vc até o Erik quase completar 3 meses, em maio. Muitas pessoas perguntavam se eu ia introduzir a chupeta e dizia só quando for necessário. Em maio, quando realmente o dedos insistiram em ficar na boca, aí a chupeta entrou em ação e eu comecei a insistir para ele usa-la em vez de ficar viciado nos dedinhos...tenho pavor disso kkk
    bjs

    ResponderExcluir